Postagem em destaque

DESPENCANDO O NÍVEL

Quando pensávamos que nada mais poderia ser pior na educação brasileira, eis que surge o novo projeto deste governo – a proposta da Bas...

sábado, 1 de dezembro de 2012

será que estamos virando numa sociedade onde tudo se compra/

pergunta que  traz a maior revista do país, na capa como maior reportagem. que estranheza, que hipocrisia. primeiro porque vender a virgindade é a coisa mais velha do mundo , inclusive leiloá-la; segundo porque há anos filósofos e sociólogos, além de outros intelectuais denunciam a sociedade de consumo onde tudo tem um valor e é comprável, inclusive a dignidade humana.
não é de hoje, que a sociedade burguesa instituiu um valor comercial a tudo. não é de hoje que vivemos numa sociedade onde mais importante é ter do que ser. vocẽ como individuo só é considerado a partir de seus valores materiais e não de seus valores morais ou talentos. você pode ter um ou mais talentos, se eles não virarem dinheiro, não prestam para nada. isto é o maior lema desta sociedade consumista, individualista que se instituiu há décadas pela famosa revolução burguesa.
vivemos cada vez mais para um acirramento desta condição com todos os dons sendo vulgarizados ou mecanizados. e os próprios meios de comunicação de massa são os primeiros a venderem esta ideia; há pŕogramas que doam milhões caso você faça uma façanha, há programas de quiz para comprar o saber estático de quem tem um cérebro capaz de  guardar o maior número de informações -confira o filme quem quer ser milionário - tudo se vende e principalmente voto, porque se mantém a sociedade no nível da pobreza comerciável e da falsa necessidade do ter. valores morais são comprados para serem anulados... assim caminha a humanidade há tempos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente mas modere-se sempre. Liberdade de expressão e respeito às diferenças que nos une nesta tão ampla e diversa Humanidade.